Dezembro Vermelho: você sabe o que é essa campanha?

O dezembro vermelho marca uma grande mobilização nacional contra o HIV, Aids e IST (Infecções sexualmente transmissíveis), chamando atenção para a prevenção, assistência e a proteção dos direitos das pessoas infectadas com HIV.

A campanha visa alertar a população sobre os números da Aids no Brasil e conscientizar sobre a importância da sua prevenção — não só dessa doença, mas de outras infecções sexualmente transmissíveis. Esse mês foi escolhido porque o Dia Mundial contra a Aids é comemorado hoje, 1º de dezembro, em todo o mundo.

Além disso, a campanha busca informar as pessoas sobre a necessidade de dar início ao tratamento o quanto antes, de modo a aumentar a sobrevida do paciente. Essa adesão precoce ao tratamento, além da disciplina do paciente em tomar a medicação de modo adequado, podem reduzir a carga viral no seu organismo, tornando-a indetectável. Desse modo, além de qualidade de vida, esse paciente não desenvolverá a doença e não transmitirá o vírus adiante.

Entenda a diferença entre é AIDS E HIV

É importante destacar que ter HIV não é o mesmo que ter Aids, pois há muitos soropositivos que vivem anos sem apresentar sintomas e sem desenvolver a doença. Entenda a diferença:

  • AIDS: Síndrome de Deficiência Imunológica Adquirida (tradução da origem inglesa da palavra AIDS). A AIDS é o resultado que o vírus HIV causa no organismo de quem está infectado.
  • HIV: é a sigla em inglês para Vírus da Imunodeficiência Humana. Esse vírus é o responsável por atacar o sistema imunológico, capaz de desenvolver a doença da AIDS. Pacientes com HIV, que seguem o tratamento adequado, podem viver com o vírus e levar uma vida saudável.

 

Prevenção

O uso do preservativo (masculino ou feminino) em todas as relações sexuais é o método mais eficaz para evitar a transmissão das IST, do HIV/Aids e das hepatites virais B e C.

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *